Chicory

O arquétipo do amor maternal

A planta da Chicória, floresce entre meados do Verão e princípios do Outono. As suas flores azuis carecem de talo, brotam em bouquets de duas ou três flores e murcham pouco tempo depois de serem colhidas. Esta planta muito ramificada alcança até 90 m de altura. Cresce em solos pedregosos, campos improdutivos e caminhos abertos. Pelas suas propriedades, o Dr. Bach indicava-a «para as pessoas, que estão muito atentas às necessidades dos outros. Tendem a cuidar excessivamente das crianças, dos seus familiares, amigos, encontrando sempre algo que possa ser rectificado. Estão continuamente a corrigir o que consideram erróneo e fazem-no desfrutando. Anseiam que aqueles pelos quais se preocupam permaneçam com eles». Pertencem ao grupo da EXCESSIVA PREOCUPAÇÃO COM OS OUTROS e está relacionada com a capacidade anímica do sentimento maternal e do amor abnegado.

Do carinho à chantagem emocional

Os caracteres chicória costumam ser pessoas muito atentas e serviçais, que cuidam com ternura dos seus familiares e que trabalham sem descanso pelo bem-estar dos seus. Com frequência sobrepõem as necessidades dos outros às suas próprias e realizam grandes sacrifícios por eles.

Mas a sua aparente generosidade não o é assim tanto, pois, em troca dos seus desvelos, esperam algo em contrapartida: a companhia dos seus ente queridos, já que sentem um verdadeiro terror da solidão. Esta é a terrível face negativa das personalidades chicória: podem converter-se me autênticos chantagistas emocionais. Têm muito amor para partilhar, mas no seu aspecto negativo trata-se de um amor egoísta e possessivo.

Um desesperado tentando chamar a atenção

Na idade adulta, este estado não é fácil de diagnosticar já que não costuma haver consciência de padecer dele; Os familiares ou pessoas mais chegadas serão quem melhor poderá facilitar os dados necessários para o diagnóstico, pois eles serão os que mais padecem da situação. Em crianças, em crescimento, o estado é facilmente reconhecível, pois são as típicas que gritam em plenos pulmões quando se lhes nega algo.  

Em muitas ocasiões, as pessoas debaixo deste estado emocional, buscam desesperadamente chamar a atenção. É como se desejassem escapar de si mesmos e viver a vida de outra pessoa, pelo que frequentemente projectam a sua própria identidade nos outros. Com este comportamento, fazem com que os demais sejam tão dependentes como elas; sem os outros, sentem que a sua vida carece de sentido.

Como reconhecer um chicory

Os caracteres Chicory têm tendência a reclamar aos outros tempo e atenção; se não o conseguem, costumam enfadar-se ou também podem sentir-se ofendidos, ignorados ou feridos. Com frequência estão muito apegados a vínculos emocionais do passado. Sentem verdadeiro prazer em comentar, rectificar e constantemente.

A ingestão do Chicory ajuda a acabar com o egoísmo e o interesse, ao mesmo tempo que a pessoa começa a sentir uma preocupação sincera pelos outros. Aumenta a capacidade de amar e a dedicação aos outros sem esperar nada em troca, sem limitar a liberdade dos outros. A autêntica recompensa é uma verdadeira segurança em si mesmo.

© Carmen Morales

Deja un comentario