Oak

Oak

O Oak, uma das árvores sagradas dos nossos antepassados, cresce em bosques e planícies. Floresce em finais de Abril ou princípios de Maio e na mesma planta temos as flores masculinas e femininas. Relacionado com a capacidade anímica da força e da perseverança, pertence ao grupo do DESESPERO e está indicada «para aqueles que se esforçam e lutam fortemente por se aliviar dos assuntos do quotidiano. Ainda que o seu caso pareça sem esperança, continuam a tentar uma coisa a traz de outra, lutam continuamente. Mostram-se descontentes quando a enfermidade interfere com os seus deveres, ou os impede de ajudar os demais. São pessoas valentes que lutam contra grandes dificuldades sem perder a esperança nem abandonar o esforço» segundo o Dr. Bach.

Primeiro o dever, depois o prazer

Os indivíduos de carácter Oak não se permitem concessões de nenhum tipo. Em momentos de crise, são capazes de manter toda uma família ou de apoiar todo um povo, ainda que nem sempre lhes reconheçam o seu enorme esforço. E em parte, eles mesmos são responsáveis já que estes indivíduos não gostam de mostrar nenhum sintoma de debilidade ante as pessoas em geral. A razão: um medo atávico de depender dos demais que os impede de pedir ajuda quando necessitam.

Os caracteres Oak são nobres por natureza; gostam de ajudar outras pessoas por iniciativa própria, e o que mais infelicidade lhes causa é não poder cumprir com as obrigações que eles mesmos se impuseram. Defraudar as supostas expectativas dos demais é para eles motivo de grande desalento. O desequilíbrio para estes indivíduos aparece quando trabalhar se converte inadvertidamente numa finalidade absoluta. Não se concedem descansos, trabalham continuamente esquecendo que nem só êxitos e vitórias fazem da vida algo digno de ser vivido. Começam então a sentir-se abatidos e vencidos interiormente devido, em grande parte, a um excesso de trabalho. Ainda assim, completamente exaustos e esgotados, os indivíduos Oak não se lamentaram jamais. 

O Oak para combater a adição de trabalho

A ingestão da flor do carvalho ajuda a tomar consciência dos limites e as possibilidades de rendimento e resistência do indivíduo, sem por isso abandonar o seu espírito de luta nem os seus projectos.

Mesmo assim, o carvalho beneficia em situações de stress por esgotamento, em contráturas de ombros e pescoço por excesso trabalho e em geral, em todas aquelas pessoas que crêem que “sempre podem mais” e que continuamente se exigem a si mesmas mais do que as suas forças podem suportar. Também ajuda os pacientes a recuperar em enfermidades de longa duração, quando apesar dos seus esforços, o paciente esgota-se frente a contínuos tratamentos. Oak dará força e ímpeto para perseverar.

© Carmen Morales

Deja un comentario