Chestnut Bud

A mesma árvore, duas essências diferentes

Da mesma árvore obtém-se também a essência do White Chestnut, para a qual se utilizam as flores. Neste caso só se empregam os rebentos da flor. Esta essência está relacionada com a capacidade da alma para a aprendizagem e a concretização. Pertence ao grupo da INDIFERENÇA PARA O PRESENTE e o Dr. Bach recomenda-a «para quem não retira amplo proveito da observação e da experiência. E que tardam mais tempo que os outros em aprender as lições de vida diária. Enquanto uma só experiência seria suficiente para alguns, estas pessoas necessitam de ter mais, as vezes várias, antes de aprender a lição. Por tanto, com muito pesar seu, encontram-se cometendo o mesmo erro em diferentes ocasiões, quando com uma só vez deveria ter sido suficiente, ou também quando a observação de outras deveria ter podido evitar inclusivamente esse primeiro erro».

Tropeçando sempre “na mesmas pedra”

No estado Chestnut Bud negativo, existe uma certa propensão a repetir sempre os mesmos erros por isso, aos olhos de quem os rodeia, dá a sensação que não aprendem nada no percurso da sua vida. É como se estivessem dois ou três passos à frente da realidade, mas sem chegar a concretizar o que têm entre mãos. Costumam ser pessoas muito pouco observadoras ou superficiais; aceleradas e pouco reflexivas que se esquecem rapidamente das experiencias desagradáveis sem ter dedicado algum tempos a realizar um balanço intermédio que lhes sirva no futuro. Neste tipo de pessoas, os pequenos acidentes quotidianos costumam ser muito frequentes.

Nas crianças, este estado reconhece-se porque dão sempre a impressão de que estão algo distraídos e desatentos, sem se deter com os seus pensamentos em sonhos ou fantasias como as crianças Clematis. Simplesmente parecem não registar muitas coisas. Por isso esquecem, por exemplo, de colocar a sua merenda na mochila ou escrevem sempre mal as mesmas palavras nos ditados e não captam as coisas com a mesma rapidez que os seus companheiros.

Uma flor que ajuda a aprender com os erros

Esta essência ajuda a optimizar a actividade mental interna com a realidade. Por exemplo dá-se conta de coisas que não notava antes, como se durante toda a sua vida tivesse chegado sempre tarde ou seguia sempre o mesmo padrão na hora de eleger um namorado. Com a flor, o indivíduo aprende lentamente mas com a segurança de observar as coisas sem pressões, com tranquilidade. Aprende a extrair o melhor das experiências diárias.

Chestnut Bud ajuda a centrar a atenção nos sucessos do presente, observando todo o negativo e os próprios erros proporcionando com cada experiência uma oportunidade de renovação interior. Ao permitir uma maior actividade mental, o indivíduo aprende também mediante a observação da conduta de outras pessoas. Graças à flor, a sua capacidade de assimilação e aprendizagem renovam-se. Chestnut Bud também tem acção ansiolítica.

© Carmen Morales

Deja un comentario